Follow by Email

quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Hinos que marcaram épocas-Parte 7

A volta do bom redentor / Tapera Velha  /Mesa Preparada  /Não se pode Matar um Crente /Na Vinda de Jesus Quanta Surpresa /Igrejinha Humilde /Fim de carreira /Meu amado /Grandioso és tu / Cristo Caminhava Lentamente

A volta do bom redentor/Triunfo
Será que vai ser assim,
a volta do bom redentor.  
Será que vai haver festinha? 
Será que vai haver louvor? 
Será que vai haver no dia,
Imprensa, rádio e a televisão? 
Será que vai ser alegria, 
Ou será grande a decepção? 
II 
Será que vão receber, o nosso eterno Salvador? 
Será um dia de prazer, ou dia de muito clamor!
Será que ele vai pisar em algum tapete,
Ou beijar o chão?
Será que ele vai cantar,
Quando presenciar a grande multidão?
III
Será que o mundo vai cantar,
Será que o mundo vai sorrir?
Será que o mundo vai chorar,
Será que ele vai fugir,
Com vergonha de se apresentar?
Como será o dia, quando o nosso Rei aparecer?
Será que vai ser feriado,
Estou preocupado, muitos vão dizer.
IV
Será que vai chegar de carro,
Ou dentro de um avião?
Será que vem acompanhado?
Será que preparou sermão?
Será tudo esclarecido,
Quando Jesus Cristo nas nuvens descer,
A muitos que não sabem disso
Só porque não abrem a Bíblia pra ler.
V
O mundo vai escurecer, 
a terra vai se transformar,
Muitas coisas vão acontecer, 
Os mortos vão ressuscitar!
E todos grandes e pequenos
Ao juízo eterno hão de contemplar,
 Parece que estamos vendo  
o grande momento se aproximar.
VI
Será que você vai subir? Será que você vai ficar?
A Bíblia tem que se cumprir,
É tempo de se preparar.
Será que você não esta vendo,
A guerra e a fome, no mundo surgir?
(Aquele que estiver pecando se contaminando
Vai  ficar aqui).  3x       
 Tapera Velha/Junior
Tapera velha toda deteriorada   
Pintura suja, parede rachada   
Era invadida ao infame invasor, dela não cuidava   
Mas teve alguém que se agradou da mesma       
Pagou um preço que ela não valia     
Mas decidiu fazer sua morada a partir desse dia.     
Coro   
Entrou na casa e pintou de vermelho  
Com sangue puro, sangue do cordeiro     
Fez o infame invasor fugir                                                                                  Sem olhar para traz
Entrou na casa e pôs fogo nela 
Pois energia e apagou a vela  
Quem vê a casa nunca imagina  
Que já foi tapera    
  II    
Tapera velha fui eu lá no mundo   
Mergulhado no abismo profundo 
Mas fui amado por Jesus senhor  
Em que me encontrou    
Abri a porta do meu coração   
Ele adentrou e fez transformação    
Sou templo do espírito de Deus 
Já tenho salvação

Mesa Preparada/Junior
[Coro]
Mesa preparada, cabeça ungida,   
Cálice transbordando, isso que é vida.
II
Vejo um povo na terra, que vai caminhando,   
Á um lugar feliz, bem distante, onde reina o amor.
Eu vejo esse povo chorando, sorrindo e cantando, 
Pois vê pelos olhos da fé, que Jesus vai voltando.
III
Eu vejo a Igreja querida se alegrando,  
E Cristo com grande poder está operando.
Se tens tua vida vazia, e o teu vaso quebrado,  
Te entregas na mão de Jesus, que ele vai te encher

Não se pode Matar um Crente/Junior
Não se pode matar um crente. Quem é salvo não morre, não!
Ele sobe à presença de Deus. Pra receber galardão
Roupas alvas, tão limpas e puras. Ele veste pra vida maior
Perde tudo por amor a Cristo. Pra viver em uma vida melhor.
[Coro]
Não, não se pode matar um crente. 
E Jesus realmente falou assim:   
Quem perde a vida por mim 
Tem sorte porque sua morte  
Não é o fim.
II
Meu irmão que estás com medo. De quem pode tua vida tirar
Pensas no inimigo maior. Que pode tua alma ceifar.
Ó não temes, nem cales ao mundo. Vai orando e buscando poder
E verás na hora da morte.Que o Senhor não te deixa morrer.
III
Os romanos se divertiam. Vendo as feras matar os cristãos
Não sabiam que lá nas arenas. Gotas de sangue eram grãos
Que brotavam e se espalharam. E de Deus recebendo poder
Pra provar a alguém deste mundo. Que um crente não pode morrer.

Na Vinda de Jesus Quanta Surpresa/Curió e Canarinho
 Na vinda de Jesus quanta surpresa 
Tristeza e pavor pra quem ficar 
Noticias e manchetes no jornais
O radio e a televisão no ar
II
Um acontecimento nunca visto    
Em breve o mundo irá passar  
Aquele que zombou e riu de nós 
Desesperado põe-se a perguntar:
III
O que aconteceu com minha esposa?  
No leito só ficou o seu lugar 
Na empresa meu colega que era crente   
Sumiu e ninguém sabe onde está
IV
O filho não regressou para casa
O esposo desapareceu do lar 
É tamanha a destruição 
Desastres pela terra e no ar
V
Meu pai que anunciava o evangelho     
De repente não o ouço mais falar  
Mamãe que era crente me amava  
Nem teve tempo para me abraçar
VI
Os crentes cultuavam na igreja  
Ficaram só os bancos no lugar    
Das conduções sumiram passageiros 
E quem ficou não sabe explicar
VII
Mas vai aparecer quem já foi crente
Só estes é, quem poderão falar      
O que vocês acabaram de ouvir  
Eu mesmo já usei muito pregar
VIII
Fiquei porque desviei-me do evangelho     
Arrependido posso afirmar     
[Foi Cristo que arrebatou a igreja
Feliz foi quem estava ao esperar] 2x

Igrejinha Humilde/ M. Lima, Tony E Tito
Pela manhã acordo bem cedinho   
Pego a Bíblia e também o violão    
No horizonte o sol já se despontado  
E os pássaros cantando, fazendo festa no meu serão 
É domingo dia de adoração         
E pelo caminho cantarolando uma canção    
                           
Quando da igreja vou me aproximando   
Ouço o barulho de glória Deus que linda unção   
Igreja simples, chão batido, casa humilde  
Mas ali nunca faltava o amor e a comunhão
Hoje tudo está tão diferente    
não é como antigamente, que saudade dos irmãos.
II
[Casinha velha, estrutura de madeira, 
cobertura de esteira, feita de barro e capim     
Pode ter algo mais bonito neste mundo  
Por ti tenho amor profundo, e jamais vou te esquecer   
Casinha velha que já foi apedrejada, tu és igreja
amada, onde Cristo me salvou    
Casinha velha sem calçada sem varanda
casinha humilde só saudades que restou]. 2x

Fim da carreira/?
Quando terminar minha carreira,
Neste mundo cheio de aflição,
Lá no céu com meu Jesus,
Gozarei a doce luz na cidade de Sião.
Coro
Com o meu Jesus  {repete}
Lá no céu irei morar,
Juntamente com os anjos aleluia,
Com o meu Deus, vou habitar.
II
Meu Jesus daí me da tua graça,                                                          
pra que eu possa sempre aqui viver,
Com os olhos no Senhor,
Guia me com teu amor,
 meu socorro vem de ti.
III
Muitos ondas já estão surgindo,
Querendo sempre me destruir,
Com os olhos do Senhor,
Pois Ele me encheu de amor,
Meu socorro vem de ti.
     
Meu amado/?
Pela noite busquei o meu amado,
Procurei mais não o encontrei,
E sai para então procurá-lo,
Pelas ruas e praças andei.
Coro
Sabes tu a quem ama minh’alma,
É Jesus meu amado Senhor,
Receber em teus braços tão calmo,
De quem amo, com eterno amor.
II
Se não tens o amor tão querido,
O perdestes porque vive a pecar,
Venha agora a procura de Cristo,
Ele vive e quer te salvar.
III
Ao amado sempre louvaremos,
Pois com Ele, podemos vencer,
De alegria Jesus cantaremos,
Pela graça que veio nos trazer.

Grandioso para mim/?
Grandioso para mim 
é Jesus meu Salvador,
Tua graça não tem fim,                                                                  
com teu divinal fulgor,
Sua mão me estendeu, 
dando me a salvação,
Gozo, paz e alegria  
eu desfrutarei um dia,
 na celestial Sião.
II
O teu nome é perdão
Eu confesso a ti Senhor.
O teu nome é puro e bom,
Minhas culpas perdoou,
Neste mundo de ilusão,
 aqui enquanto eu estiver,
Minha boca entoará,
aleluia sem cessar,
Exaltando o teu poder.

 Cristo Caminhava Lentamente/?
Cristo caminhava lentamente,  
Passo a passo com decisão;   
De repente ele falou: "Alguém tocou-me,    
Alguém no meio da multidão".
"Mestre a multidão lhe oprime    
De todos os lados assim";       
Cristo disse: "Alguém tocou-me diferente,    
Pois senti, saiu virtude de mim".
Coro
Toca pela fé agora em Jesus  
Pois ele pode te conceder a luz       
Estende a mão, Jesus lhe tocar      
Toca pela fé, agora é só pedir,     
Que de Jesus virtude vai sair, 
Estende a mão Jesus vai lhe tocar
II
Então a mulher aproximou-se
E disse: "Foi eu Senhor que te tocou";   
Cristo ali falou-lhe mui suavemente:    
"Vai em paz, que a tua fé te salvou"   
Se queres alegria em tua vida,       
Se queres a vitória em teu lar   
Sinta a morte transforma-se em vida     

Quando a mão de Deus te tocar
Sua irmã em Cristo Rosa Dias






Nenhum comentário:

Postar um comentário